domingo, 15 de fevereiro de 2009

Travar a comida

Desculpem a demora nas notícias, mas tenho estado com pouca vontade de vir à net.
Na sexta-feira, como disse, fui ao médico. Antes de mais nada disse-lhe estar preocupada com o meu apetite e pedi-lhe para ele ver se a bebé estava a sofrer com a minha boa boca.
De facto, a AJ tem tamanho acima do tempo dela e também peso. Porquê? Porque sai à família da mãe e tem uns tios grandes e, quanto ao peso, provavelmente pelo que a mãe (entenda-se eu) tem andado a comer. O médico disse para eu não me preocupar, mas aconselhou-me a fazer o que eu já sabia, mas não punha em prática: comer pouco de cada vez, coisas mais saudáveis (evitar pão, enchidos, comer pouco arroz e batatas e dar mais na fruta e nos iogurtes) e tentar não abusar.
A acrescentar a isto tudo, mandou-me pesar: aumentei 3 kg em cinco semanas (eu bem sabia que tinha que me preocupar), apesar de, quem olha para mim não perceber, porque não estou muito mais gorda (só na barriga e no peito).
O médico perguntou-me ainda o que me apetecia comer, ao que eu respondi: "TUDOOOOOOO"!. Disse-me então, para me animar, que era bom sinal e que o meu organismo estava a aceitar bem o meu bebé. Mas relembrou: comer menos e melhor...
Assim será, pelo menos enquanto me lembrar da tristeza que senti ao ver que as minhas atitudes se reflectiam na minha princesa...

Desde então substitui o pão do pequeno almoço e do lanche (e eu que nunca fui muito amante de pão) por muita frutinha, cereais, iogurtes magros e a receita que a Mimi me deu: iogurte, fruta e muesli, tudo numa só tigela... maravilhoso! Tenho tentado não repetir às refeições (o que ultimamente acontecia frequentemente) e os acompanhamentos têm sido substituídos por grelos e couvinhas (os verdes a que não enjoei nos meus tempos sem nausefe).

4 comentários:

bazulinha disse...

O que é que a prima tinha dito?????? O pessoal acha que é o bebé que pede, mas são as parvas das hormonas! E parabéns pela decisão pela criopreservação. Cada vez mais aconselhavel!

Roxa disse...

Eu não achava que fosse a AJ. Sei bem que sou eu... estava era com medo de a prejudicar. Mas tenho tanta vontade de comer...

Patrícia disse...

come rapariga!!!

marga disse...

A receita do iogurte é um espectáculo!
Foi o cunhado M. Marcelino que nos deu. Que pitéu!