quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Ataques de riso

Lembram-se de vos dizer que neste segundo trimestre ando muito bem disposta? Pois bem, tenho tido uma enorme tendência para ataques de riso, daqueles que só param passados 10 minutos. É espectácular. Sabe mesmo bem, o problema é que ficam a doer os abdominais de tanto rir.
Mas atenção, também choro, afinal. Ainda ontem à noite, a ver um documentário sobre o chimpazé Ham, o primeiro ser vivo a ir à lua, chorei compulsivamente, com soluçoes e tudo, porque achei que o macaquinho estava a sofrer. E, pior ainda, quando a cápsula onde ele viajava caiu no oceano. Andaram duas horas à procura dele e eu ali a sofrer sem saber se o macaquito estava bem. Quando o descobriram vivo fiquei muito feliz, mas sempre a pensar que ele sofreu muito de solidão e medo naquele tempo.
O pai olhava para mim e só se ria... se calhar estou a ficar doida! Estas hormonas são terríveis

3 comentários:

Sofia,Pedro e Joana disse...

Oh se são, as hormonas são soberanas!
Beijinhos,Sofia,Pedro e Joana

Phipas disse...

nem me digas nada...no fds tambem chorei baba e ranho com um filme para miudos...tudoi por causa de um cão que tinha q ser abandonado....

hehe

jinhos

phipas e bebecas

marga disse...

Vale mais rir do que chorar.... ma stb ha aquele ditado "kem mais chora menos mija" e o outro "muito riso pouco siso"... e sei lá mais quantos...
ISso é muito positivo!